quarta-feira, 7 de dezembro de 2011

FAXINA FOI RÁPIDA

Pelo menos, o presidente do Avaí, João Nilson Zunino (foto), agiu de forma rápida e não perdeu tempo com defunto ruim, promovendo uma limpa sem precedentes na história recente do clube azurra. Antes, eles alegavam que era para cuidar do "patrimônio" do clube e faziam muito mistério. Desta vez não: pagaram, mandaram embora, e a vida segue. O que precisar parar é ficar pegando muitos jogadores de um clube só. Ou não há ninguém disponível, e melhor, no momento? Mas, estou gostando desse início do Avaí, pois está fazendo tudo sem muita cerimônia.

2 comentários :

Thiago T. Laurentino disse...

Polidoro, acho que só falta o próprio presidente incluí-lo nesta faxina, bem como seu filho Gabriel, e o Sr. Nereu.Aí sim a faxina seria completa, jamais esperaria de um Presidente de um clube como o Avaí, vir a mídia e dizer que se querem jogadores de renome a torcida é que pague o seu salário. Onde está o profissionalismo deste dirigente? Não bastou ele deixar o Avaí de pernas para o Ar em 2010 / 2011, com inúmeras falhas? Agora ele quer limpar o que ele promoveu? Por permitir que seu elenco fosse inchando e nada fosse feito? E o conselho o que fez quanto a isso? Por isso é que levanto a questão: se é pra faxinar que faça isso de forma coerente e que comece pelos nomes citados acima.
Abraço.

Sérgio disse...

Não adianta faxinar o elenco e manter as mesmas bestas "pensantes" no comando.