quarta-feira, 16 de maio de 2012

FICOU PERDIDO

Fui 25 anos setorista de Avaí e Figueirense e nunca presenciei uma cena como a de ontem, quando os jogadores avaianos entraram de braços cruzados e interromperam a apresentação de um diretor, fruto de uma parceria nova e que pode ser vitoriosa. Corinthians é Corinthians. Se é que vai ser mesmo com o Timão, porque hoje acompanho tudo à distância e não acredito muito em dirigente de futebol. O que causa polêmica é o ato, uma saia justa para o clube, e uma escancarada quebra de hierarquia. Geralmente esse "boicote" é feito nos bastidores. O lado bom é que foi uma manifestação aberta, pública, de todo o grupo. Como o presidente não demitira a todos, ficou com cara de tacho. Marcelinho Paulista (foto) pode representar o retorno do Leão á elite, mas o início, convenhamos, não foi dos melhores.

3 comentários :

Jbmartins-Contra o Golpe disse...

Logo começarei a cantar "E ninguem para este xororo, chora a midia, chora o torcedor e chora o Doutor, cambada

Serjão Jr disse...

Poli belo comentário estampado no blog do Andre. Vou republicar no meu blog http://sergionativo.blogspot.com.br/ as 14h. Parabéns! Continue comentando com isenção. Assim tu me agradas, istepô!

Anônimo disse...

Não sei não Poli, nesta 1ª rodada confio mais no Avai, acho que vence na boa o Boa Esporte. Já o Figueira, vive uma crise interna com a saída do Branco e as constatantes lesões do grupo, além de uma forte crise de confiança. Penso que perde a partida, no máximo 1 empate. Já o Tigre, o problema que é um time novo que não temos muito conhecimento, aposto num empate. Já o Jec, pega o time mais forte da Série B, jogo dificílimo, acho que dá Atlético Pr. Fernando Avaiano.