sábado, 11 de fevereiro de 2012

TÚNEL DO TEMPO

Atacante Vargas defendeu o Avaí em 12 clássicos diante do Figueirense, vencendo três, empatando outros três e acumulando seis derrotas. Marcou quatro gols no rival e foi expulso uma vez. Percifal Vargas Pinto atualmente mora em Florianópolis e atua como taxista no Aeroporto Internacional Hercílio Luz. Esses dados fazem parte do livro Figueirense x Avaí, O Clássico de Florianópolis, do historiador Jairo Roberto de Souza.

2 comentários :

Anônimo disse...

Correto o nome do livro. O clássico é de Florianópolis. Não tem nada haver essa blasfêmea que a imprensa ilhéu profana de "clássico" de SC

benedito assiz(ditocola) disse...

Esse não tinha medo de cara feia de zagueiro. Grande Vargas marcar gols era com ele mesmo.